EU NÃO!

 Question mark funny face

Não. Eu não sou isso que você está falando. Não sou mesmo. Sei que às vezes parece. É meu jeito. Mas não, eu não sou nem um pouco. Nem gosto dessas coisas. Sou até ao contrário disso. Ah! Aquilo que eu falei? Pareceu que eu sou, é? Sei. É a maneira que falo as coisas. É mau jeito. Às vezes sou direto demais, sabe? Sinceridade. Ninguém gosta de sinceridade. Mas sincero, isso eu sou. Pode anotar aí! Além do mais aquilo era brincadeira. Eu brinco muito, não me leve a sério. O problema hoje é que todo mundo leva tudo muito a sério. O pessoal precisa relaxar mais, descontrair. Hum… Aquilo que eu fiz? Não, interpretaram errado. Eu estava tentado só mostrar como é para quem é… você sabe, né?, nem vou falar. Era uma forma de dar um exemplo. O que eu queria era o contrário. Interpretam sempre tudo errado. É ao contrário, sabe? Eu faço com uma intenção, mas aí levam para o outro lado. O problema do mundo é esse, ninguém se importa com suas intenções, só com o que parece ser. Que quase sempre não é. E costuma ser ao contrário. Todo mundo julga tudo hoje em dia. Sem prestar atenção no que você realmente queria dizer. Sei que falam que eu sou. É por causa disso aí. Parece, às vezes, pelas coisas que falo. E também por esse meu jeito, mais… Sincero! Meu jeito mais sincero. Mas não, eu não sou nem um pouco. Nem gosto de gente assim, para falar a verdade. Sei que meus amigos são. Eles sim! Mas eu tento dar uns toques neles. É por isso que não corto a amizade. Acho que é importante que eu esteja ali do lado para mostrar para eles como eles estão errados. Mas aí já começam a falar. Diga-me com quem andas… Já sabe, né? Também não é para sair por aí condenando todo mundo. E quer saber? Esse pessoal aí que diz que eu sou. Eles é que são. Fingem que não, disfarçam, tentam colocar a culpa nos outros. Mas a verdade é que no fundo eles são. Não! Não estou condenando ninguém! Eles podem ser, claro. No fundo todo mundo é um pouco, não? Todo mundo dá uma escapada às vezes. Todo mundo é, nem que seja no fundo.

Menos eu. Eu não sou. De jeito nenhum!

Carlos Goettenauer

Anúncios
Esta entrada foi publicada em CENTRO DE EDUCAÇÃO SOCIAL IRMÃO CAÇULA, Crônica, Creche Estação do Aprender, Escola Estadual de Barra Grande, Escola Estadual de Centro Novo, Escola Estadual de Sagrada Familia, Escola Estadual de São Valério, Escola Estadual Joao Zacco Paraná, LÍNGUA PORTUGUESA, LEITURA com as etiquetas , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s